sexta-feira, 16 de novembro de 2012

A Cultura Popular de Pernambuco no limbo do respeito e do reconhecimento - Revolta com a morte do mestre Zé Neguinho do Coco

Zé Neguinho do Coco. Foto de Josuel Santana.

A Cultura Popular de Pernambuco no limbo do respeito e do reconhecimento
Revolta com a morte do mestre Zé Neguinho do Coco

Revolta é meu nome desde ontem quando recebi uma ligação em meu celular do companheiro Zé Brown informando de forma triste o falecimento e enterro já consumado do grande e histórico cantador Zé Neguinho do Coco. Até quando vamos calar perante o racismo, omissão, desumanidade do Estado que finge fazer políticas culturais para cultura popular? Até quando?

Observo que a fatalidade ocorrida com Zé Ne
guinho, vai acontecer ainda com muitos grandes mestres e mestras pernambucanos que se encontram hoje desprezados completamente no limbo dos editais de shows e dos cachês subalternizadores... A forma como se procedeu o fato do mestre Zé, aponta claramente para onde está nosso problema: A ausência concreta de políticas públicas específicas de valorização da cultura popular e seus mestres e mestras...

Cadê a materialização do acúmulo de duas conferências nacionais de cultura? Cadê as ações efetivas fomentadas pelas discussões de artistas e produtores como eu que ao longo destes anos todos vem contribuindo de forma direta com a luta por respeito na cultura?

Estou muito triste com tudo isso. Não ter podido ir ao enterro de Zé Neguinho, de ter podido olhar para ele uma última vez me magoou profundamente. Estou revoltado com toda razão!

Não permitirei que isso aconteça um dia com o Mestre Galo Preto e tantos outros e outras que tenho relação direta. Pelo menos um enterro entre os amigos de luta e de vida é merecido, é digno...

Espero ver alguma atitude do Estado como um todo para concertar erros irreparáveis como este. Ele merecia maior dignidade e apoio da terra que sempre encantou com sua voz linda e melodia hipnotisadora.

Adeus Zé Neguinho, que seu espírito se junte aos guerreiros da Jurema para combater a política do embranquecimento de nossas tradição que só nos levam à doença e ao fim sem dignidade.

Vejam mais informações sobre a morte de Zé Neguinho do Coco:

Axexê Mojubá. Salve a fumaça!! 
Alexandre L'Omi L'Odò
Produtor e músico
alexandrelomilodo@gmail.com

Um comentário:

Prof Alexandre Dias disse...

PARABÉNS ALEXANDRE L'OMI PELA CORAGEM E COMPROMISSOCOM A CULTURA POPULAR. ESTAMOS JUNTOS NESTA LUA... FELICIDADES!

Vídeos Negros nossos!!

Loading...

Quilombo Cultural Malunguinho

Quilombo Cultural Malunguinho
Entidade cultural da resistência negra pernambucana, luta e educação através da religião negra e indígena e da cultura afro-brasileira!