segunda-feira, 1 de maio de 2017

Malunguinho e a Ciência das Crianças

Desenho feito por Alexandre L'Omi L'Odò e pintado pela criança Alanna Tozer.

Malunguinho e a Ciência das Crianças

Hoje recebi um presente muito lindo da querida Alanna Tozer, criança linda e cheia de sensibilidades. Este desenho de Malunguinho me encheu de amor o coração. 
Para mim soou como um sinal de que estamos certos nos caminhos da luta pelo fortalecimento da Jurema Sagrada. Se uma criança deseja pintar e insiste que eu conte histórias sobre Malunguinho para que ela crie e colora, isso significa que pra ela, ele é importante, e em seu imaginário e sentimento já habita um carinho e admiração por esta divindade de luta do povo negro e indígena.
Desenhei esta imagem. Ela foi pintada nas cores de Malunguinho (verde, vermelho e preto) e trouxe alguns de seus símbolos e signos.
Este ano o Kipupa Malunguinho terá muitas novidades. Uma delas, que eu já posso revelar, é o espaço especial para crianças da Jurema. Este pensamento já me habitava há muito tempo, mas com a realização do I Encontro Nacional de Crianças de Axé, realizado pelo, e no, Ilé Àse Òrìsànlá Tàlábí, me fortaleceu a vontade de fazer, e, vamos realizar juntos uma ação coletiva e interativa exclusiva para crianças juremeiras. Vai ser lindo. 
O desenho surgiu a partir do caderno de desenhos presenteado às crianças que participaram do encontro acima citado. Mas nele não tinha Malunguinho, daí me foi carinhosamente pedido que ele também estivesse ali, entre os desenhos de Orixás, caboclos e pretos velhos. Assim foi feito e levou nota 10 a pintura.
Muito lindo ver brotar da inocência de uma criança a ciência, e o amor à Jurema Sagrada e suas referências. 
Sobô Nirê Mafá! Malunguinho sabe o que faz!
Chega logo 24 de Setembro de 2017!  
Alexandre L'Omi L'Odò
Quilombo Cultural Malunguinho
alexandrelomilodo@gmail.com

Nenhum comentário:

Vídeos Negros nossos!!

Loading...

Quilombo Cultural Malunguinho

Quilombo Cultural Malunguinho
Entidade cultural da resistência negra pernambucana, luta e educação através da religião negra e indígena e da cultura afro-brasileira!